Conteúdos

5 Dicas para Aproveitar ao Máximo os Programas de Aceleração

Como já devem saber, nós, na Visor.ai, somos uma espécie de mestres em programas de aceleração. Participamos em muitos deles. Estivemos em Londres, Santiago de Chile, Lisboa, Xangai, Cracóvia, Madrid e muitos mais.

Agora podemos dizer que temos muita experiência em programas de inovação, tanto corporativos como independentes.

Como a Tech in Asia refere, os corporativos têm a enorme vantagem de as suas empresas-mãe terem muitos mais recursos do que as independentes.

Posto isto, reunimos algumas dicas para ti!

 

Como tirar o máximo partido dos programas de inovação?

1. Ganhar contactos valiosos

Normalmente, as pessoas que participam neste tipo de programas corporativos são pessoas no topo da cadeia. Assim, podes falar com o chefe de inovação, o diretor de marketing, o diretor de apoio ao cliente e até, se tiveres sorte, o CEO da empresa.

Isso deve dar-te um monte de contactos dentro de uma empresa importante, o que é ainda mais útil se essa empresa puder vir a ser um cliente. Em vez de perseguires infinitamente a empresa com que queres trabalhar, estarás já em contacto com ela e terás maior facilidade para fazer negócio.

 

2. Conhecer a empresa por dentro e por fora 

O teu mercado são provavelmente grandes empresas, por isso esta é a melhor oportunidade que irás ter para conhecer essas empresas a partir do interior.

Quem melhor para te dizer tudo sobre o que eles querem e precisam do que eles mesmos?

Vais estar rodeado de pessoas que sabem exatamente quais são os seus desafios. E talvez esses possam ser resolvidos pela solução da tua empresa.

Esta é também uma grande oportunidade para validar suposições. E identificar se um produto ou serviço é adequado para essas empresas ou não.

 

3. Fechar negócio – vender! 

Fizeste todo o percurso do acelerador e, se ganhaste ou não, isso não é o mais importante.

O mais importante é que ganhaste a confiança das empresas. Tens agora a oportunidade de passar para uma fase piloto e implementar a tua solução nesse cliente.

Se a implementação for bem-sucedida, a vossa parceira pode evoluir. E resultar em toda uma gama de novos desenvolvimentos para eles.

Idealmente esses desenvolvimentos têm de ser escaláveis, por forma a chegar a outros clientes e projetos.

Experienciámos isto com os várias empresas durante aceleradores corporativos. Nomeadamente, a Câmara Municipal de Lisboa no Smart Open Lisboa, a Fidelidade no Protechting, no Credibom’s Start & Pulse e no Prio Jump Start

O que começou com um piloto cresceu para uma relação cliente-fornecedor. Estamos, neste momento, a fornecer diferentes soluções de chatbot com inteligência artificial para cada uma das suas áreas de atuação.

 

4. Receba conselhos valiosos 

Consideras um fracasso se terminares o programa sem ganhar ou ter vendido alguma coisa?

Pensa novamente: mesmo que isso aconteça, vais ter uma tonelada de perspectivas úteis a partir dos contactos que fizeste.

Talvez o teu produto não seja exatamente o que a empresa precisa ou estás a escolher os alvos errados para quem vender ou a empresa pode ainda não estar pronta para receber a sua solução. Nestes programas de aceleração podes descobrir a resposta para todas as tuas dúvidas.

 

5. Obter possíveis investidores 

Além de trabalhar contigo, eles podem achar a tua solução tão boa que vão querer investir. Consegues imaginar?

Uma empresa enorme, amadurecida, a injetar o seu dinheiro diretamente em tua companhia!

Não só vai dar-te o impulso que precisas para crescer, mas também atrair outras grandes empresas para investir.

Já ouviste dizer que «a relva é sempre mais verde do outro lado»?

O mercado funciona da mesma forma: uma vez que consegues um grande nome para trabalhar contigo, os outros saberão que existes e talvez queiram também a tua oferta.

Posto isto, de que estás à espera para concorrer ao programa de aceleração corporativo que tens debaixo de olho?

Enquanto estás lá, mantém as nossas dicas em mente e obtém o máximo partido que puderes.

E lembra-te: não há nada a perder. Mesmo quando não ganhas, há sempre alguma conclusão a tirar, mesmo que sejam apenas boas lembranças.

 

Se quiseres falar connosco para saber mais sobre a nossa experiência, contacta-nos!